O dia 05 de Junho de 2006 amanheceria mais triste. Ao ligar a TV logo cedo, o Bom Dia Brasil me informaria sobre o assassinato de Rodrigo da Silva Netto, o guitarrista de uma das bandas mais incríveis do país. No começo, lembro que não pude acreditar - ou será que só não queria acreditar? Na verdade não sei - até por que, não era um guitarrista qualquer, era o guitarrista do Detonautas Roque Clube. Isso não poderia ter acontecido. Não com ele, afinal, era um jovem e ídolo de apenas 29 anos.

Tudo aconteceu, na noite de domingo, 04 de Junho quando nosso eterno ídolo voltava de uma festa acompanhado por seu irmão e sua avó. Ao passar por uma das mais movimentadas ruas do Rio de Janeiro, a avenida Marechal Rondon, o carioca Nettinho - como também era conhecido - foi abordado por bandidos que queriam o carro. O música levou dois tiros, perdendo a vida na hora. Detalhe: ele não tentou reagir ao assalto. Seu irmão também foi baleado, mas sem ter ferimentos graves.

Talvez, por ainda ser um rapaz jovem, Rodrigo não seria considerado uma Majestade - não naquela época - mas tudo mudou com esse fim trágico. O Detonautas, uma banda de grandes sucessos, nunca mais seria a mesma, já que perdeu uma das referências musicais do grupo. Os fãs, choram eternamente a perda de seu ídolo. As crianças, que hoje dá até vergonha ouvir seus estilos musicais, perderam a chance de conhecer um músico de verdade. Rodrigo Netto perdeu a chance de realizar um dos maiores sonhos de todo músico: tocar em um festival do tamanho do Rock in Rio, que contará com a presença de Tico Santa Cruz e seu grupo.

Rodrigo Netto, pode até ter deixado fãs e amigos em prantos, mas estes não deixaram barato. Homenagens são prestadas até hoje para nosso eterno guitarrista. O vocalista do Detonautas, o já citado Tico Santa Cruz, tatuou a assinatura de seu companheiro, enquanto o baixista do grupo, Tchello, tatuou o rosto do amigo. Os fãs não deixam por menos, que fazem o mesmo, além de homenagearem o ídolo de outras formas.

Como diz a canção Verdades do Mundo, gravada no último CD da banda, e que é uma homenagem à Rodrigo: "Sinto tua presença e a lembrança que eu tenho de você. Me faz querer te abraçar, querer te encontrar", afinal, Vossa Majestade, o eterno guitarrista Rodrigo Netto ainda está presente, dentro dos corações de seus fãs.

"Você dormiu sem me dizer as coisas boas do seu dia e eu saí sem te contar que o que importa nessa vida, é só deixar rolar e sempre...é só deixar rolar" - R.N

Rodrigo Netto - 05/05/1977 - 04/06/2006

2 Comentários

  1. estamos de volta pra casa! saudades do netto!

    ResponderExcluir
  2. Êh anônimo, ele sem dúvidas faz falta ...

    ResponderExcluir