A editora Belas-Letras anunciou em seu blog na última segunda-feira (15) o lançamento de seu novo selo, intitulado Quatrilho Editorial. Nesse projeto, a editora gaúcha que em 2012 lançou, entre outros livros, Querer sem Medida (Resenha), Clube da Insônia (Resenha) e A Ira de Nasi (Resenha), busca divulgar e dar destaque especial às obras de autores da cidade de Caxias do Sul.
Entre os objetivos e promessas, o selo pretende divulgar as obras com o mesmo cuidado prestado aos principais trabalhos da editora, que preza pela qualidade gráfica e editorial, algo que encontramos principalmente em Clube da Insônia.
O simpático nome surgiu como uma homenagem ao escritor caxiense José Clemente Pozenato, autor do romance histórico O Quatrilho, lançado originalmente em 1985. O livro deu origem a outros dois trabalhos com os mesmos personagens e inclusive ganhou uma adaptação cinematográfica, em 1994. José Clemente Pozenato também é autor do livro Minha Cidade Querida, publicado pela própria Belas-Letras em 2010.
Segundo o editor Gustavo Guertler, com o selo Quatrilho Editorial, a Belas-Letras quer “oferecer aos escritores da cidade a possibilidade de publicar por uma editora que, como a Belas-Letras, tenha uma preocupação grande em dar resultados aos seus autores. Isso inclui esmero na edição e força comercial”.
Os primeiros lançamentos aconteceram na 28ª Feira do Livro de Caxias do Sul, que aconteceu entre 28 de setembro a 14 de outubro. Os livros A Arte de Conviver (Skoob), de Regyna Gazzola, Alcova dos Anjos (Skoob), de Adriano Moreira, Meu Amigo Dick (Skoob), de Alexandro Lima e A Constelação da Lira (Skoob), do escritor Acácio de Geórgia, deram início ao trabalho editorial do selo, que ainda tem muitos bons livros para serem publicados.

Todas as novidades do Quatrilho Editorial você acompanha em nossas páginas e nas redes sociais. Aguardem!