João e Maria: Caçadores de Bruxas (Hansel and Gretel: Witch Hunters)


Resenha: Todos nós conhecemos o velho conto de fadas dos irmãos Grimm que narra a história de dois irmãos que são abandonados pelo pai em uma floresta e acabam se perdendo antes de se encontrarem com a bruxa que tem apenas uma intenção: engordá-los para depois comer a carne das duas crianças. Mas o que aconteceu com João e Maria após esses se livrarem da bruxa? Encontramos a resposta para essa pergunta em João e Maria: Caçadores de Bruxas.
Quinze anos depois de derrotarem a bruxa, João (Jeremy Renner) e Maria (Gemma Arterton) agora são dois experientes caçadores de bruxas que levam uma vida de aventuras para salvar a pessoas indefesas das temidas criaturas. Com o desaparecimento de várias crianças, os irmãos são contratados e embarcam em uma nova aventura sem imaginar que enfrentariam a Bruxa Negra (Famke Janssen), que está disposta a derrotar e ainda destruir a vida e o passado dos dois irmãos.
Quem ainda não teve a oportunidade de assistir João e Maria: Caçadores de Bruxas não deve ser iludir com as primeiras cenas e muito menos com o tempo total de filme (apenas 88 minutos), que dão a entender que a produção pecará em sua história ou em seu desenvolvimento. A opinião formada no início é exatamente essa: o filme não possui uma história; se resume apenas a briga entre caça e caçador. Mas isso está bem distante de ser o que de fato acontece.
Devido a várias cenas de ação que empolgam pela tensão e pela quantidade de sangue e/ou destruição, quem espera por um enredo fechado do início ao fim pode se decepcionar, mas, como citado, ninguém deve ser iludir. O desenvolvimento do filme provará que João e Maria: Caçadores de Bruxas envolve muito mais do que isso e não tardará a mostrar segredos do passado que podem destruir tudo o que os irmãos construíram até então.
Mas com a força de vontade de João e Maria, tão bem interpretados por Jeremy Renner e Gemma Arterton, que juntos possuem uma química invejável, a caça as bruxas se torna mais intensa e acaba envolvendo outros personagens, também brilhantemente interpretados por seus respectivos atores – em alguns casos irreconhecíveis devido a maquiagem, outro ponto forte do filme.
Com ótimas sequências e um segredo que em determinado momento fecha o enredo para que tudo aconteça como deve ser, temos um ótimo filme para ser usado como entretenimento, principalmente por ter tido um cuidado tão grande em seus efeitos, cenário e atuações. O início pode até passar uma falsa ideia, mas nesse caso pouco importa, até porque tudo melhora. Inclusive não dá para descartar uma continuação, que pode vir a calhar.