A estreia da coluna Concretizando Páginas, que como dito anteriormente reunirá as principais estreias de adaptações literárias ao longo do mês, não poderia ser melhor. Em um mês com oito grandes produções, sendo uma delas um terror nacional, o grande destaque é sem dúvida o filme A Menina que Roubava Livros, que depois de longos anos leva para o cinema a emocionante história do livro de Marcus Zusak.

Apesar dessa importante adaptação, não dá para se esquecer do filme Frankenstein – Entre Anjos e Demônios, baseado na HQ de Kevin Grevioux e que volta a dar vida ao clássico personagem criado por Mary Shelley, e da animação da Disney intitulada Frozen – Uma Aventura Congelante, baseada no conto de Hans Christian Andersen.

Estreia: 31 de janeiro
Baseado: A Menina que Roubava Livros, de Marcus Zusak
Sinopse:
Durante a Segunda Guerra Mundial, uma jovem garota chamada Liesel Meminger sobrevive fora de Munique através dos livros que ela rouba. Ajudada por seu pai adotivo, ela aprende a ler e partilhar livros com seus vizinhos, incluindo um homem judeu que vive na clandestinidade.

Estreia: 24 de janeiro
Baseado: Frankenstein, de Mary Shelley – I, Frankenstein, de Kevin Grevioux
Sinopse:
Frankenstein: Entre Anjos e Demônios é uma versão moderna do conto sobre a criatura do Dr. Frankenstein, que, séculos após seu nascimento, se encontra em uma cidade gótica em meio a uma guerra entre dois clãs imortais. O monstro de Frankenstein, agora com o nome de Adam (Aaron Eckhart), sobreviveu até os dias atuais. Tentando encontrar seu próprio caminho, ele acaba se envolvendo em uma guerra entre dois clãs imortais em uma cidade ancestral chamada Darkhaven.

Estreia: 03 de janeiro
Baseado: A Rainha do Gelo, Hans Christian Andersen
Sinopse:
A caçula Anna (Kristen Bell/Gabi Porto) adora sua irmã Elsa (Idina Menzel/Taryn Szpilman), mas um acidente envolvendo os poderes especiais da mais velha, durante a infância, fez com que os pais as mativessem afastadas. Após a morte deles, as duas cresceram isoladas no castelo da família, até o dia em que Elsa deveria assumir o reinado de Arendell. Com o reencontro das duas, um novo acidente acontece e ela decide partir para sempre e se isolar do mundo, deixando todos para trás e provocando o congelamento do reino. É quando Anna decide se aventurar pelas montanhas de gelo para encontrar a irmã e acabar com o frio.

Estreia: 17 de janeiro
Baseado: O Gebo e a Sombra, de Raul Brandão
Sinopse:
Apesar da idade e do cansaço, Gebo (Michael Lonsdale) continua trabalhando como contador para sustentar a família. Vive com a mulher, Doroteia (Claudia Cardinale), e a nora, Sofia (Leonor Silveira), mas é a ausência do filho, João (Ricardo Trepa), que os preocupa. Gebo parece esconder algo em relação a isso, em particular a Doroteia, que vive na espera ansiosa de rever o seu filho. Sofia também espera o regresso do marido, ao mesmo tempo em que o teme. De repente, João reaparece e tudo muda.

Estreia: 24 de janeiro
Baseado: O Lobo de Wall Street, de Jordan Belfort
Sinopse:
Belfort (Leonardo DiCaprio) cumpriu pena de 20 anos de prisão porque se recusou a colaborar, em 1990, com as investigações de um caso generalizado de fraude bancária que envolvia corrupção em Wall Street e até negócios com a Máfia.

Estreia: 24 de janeiro
Baseado: O Aprendiz, de Joseph Delaney
Sinopse:
John Gregory (Jeff Bridges) é o sétimo filho do sétimo filho e mantém uma cidade do século XVIII relativamente bem e longe dos maus espíritos. No entanto, ele não é mais jovem e suas tentativas de treinar um sucessor foram todas mau sucedidas. Sua última esperança é um menino chamado Thomas Ward (Ben Barnes), filho de um jovem fazendeiro. Seu primeiro desafio será grande: Ele terá que enfrentar a Mãe Malkin (Julianne Moore), uma terrível e poderosa bruxa, que escapou do seu confinamento quando o grande mestre Gregory estava afastado da cidade.

Estreia: 10 de janeiro
Baseado: Pelos Olhos de Maisie, de Henry James
Sinopse:
Em meio ao conturbado divórcio dos pais, Maisie (Onata Aprile), uma garotinha de sete anos, tenta entender o que se passa. De um lado a mãe, Susanna (Julianne Moore), uma estrela do rock. Do outro o pai, Beale (Steve Coogan), um influente galerista. Unindo os dois, a menina, que logo descobre um novo significado para a palavra "família".

Estreia: 31 de janeiro
Baseado: A Arte de Produzir Efeito Sem Causa, de Lourenço Mutarelli
Sinopse:
Júnior (Marat Descartes) volta a morar com a família depois que perdeu o emprego e se separou da esposa. Ao chegar na casa que um dia já fora seu lar, ele se sente um estranho e passa seus dias no sofá do velho Sênior (Antônio Fagundes) remoendo a separação, o desemprego e sonhando com a jovem inquilina Bruna (Sandy). Após achar alguns objetos que pertenciam à sua mãe, Júnior passa a querer saber tudo sobre a história da família e desenvolve uma estranha obsessão pelo passado, passando a confundir delírio e realidade.

11 Comentários

  1. Uau! Adorei a coluna e, principalmente as estreias.
    Estou muito ansiosa para assistir "A menina que roubava livros".
    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
  2. Iae Ricardo, tudo bem?
    Gostei muito da ideia desta coluna, pois 2014 será um ano com muitas estreias . Você terá muito assunto para escrever.
    Enfim vi bastante propaganda, até mesmo no twitter, do filme Frozen. Mas não me deu vontade alguma de assistir. Estou mais animado com A Menina Que Roubava Livros, porém estou em dúvida se leio primeiro ou se assisto. Levando em conta que eu não ligo para spoilers, eu acho que irei assistir. Também pelo fato de eu ainda não ter o livro :/

    Não podia esquecer de elogiar o template, fiquei muito tempo sem vim aqui e tive uma surpresa com esse novo visual. Ficou incrível! Estarei voltando sempre por aqui.
    Abraços!

    www.booksever.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala, Filipe! Tudo bem e com você?
      Que bom que gostou da coluna :) Todo mês uma nova seleção de adaptações literárias. Espero que goste sempre.
      Sobre os filmes, "A Menina que Roubava Livros" é certamente a adaptação mais aguardada do ano. Quero reler o livro antes da estreia, mas não sei se isso será possível :( Vou torcer para encontrar um espaço pra isso.
      Aproveito para também agradecer pelo elogio em relação ao template. Fico feliz que tenha gostado :) Gosto muito dos seus comentários, por isso será sempre um prazer receber sua visita. Volte sempre!

      Abraços,

      Excluir
  3. Esses laçamentos atuais não estão me animando. Atualmente, quando se tratam de filmes, eu só quero ver adaptações e obras antigas. A Menina que Roubava livros promete, é o que tenho mais vontade de assistir dentre os desta lista.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Os Roteiros adaptados, quando bem adaptados são boas maravilhas para os sentidos e a nossa alma.
    "A Menina que Roubava livros" é um dos mais aguardados por mim, sem dúvida, este se refere ao meu livro preferido, imagina a ansiedade.
    Espero muito que o filme chegue aos cinemas aqui em Belém, e não fique apenas na zona Sul-Sudeste.
    O Lobo de Wall Street, promete ser uma obra prima de Martin Scorsese. Os trailers são um dos melhores que já vi, e com certeza veremos ele no oscar em alguma categoria.
    Outro filme que quero muito ver é "Quando eu era vivo", soube dele, pois Sandy Leah atuará neste filme, e desde então fiquei muito animado com o filme, principalmente depois de saber sobre a história. Sou um grande fanático por cinema nacional, logo tenho quase certeza ser um grande prato cheio. E este poster é incrível!
    O único de fato que não me chama atenção é o do "Frankesteine", não tenho um motivo exato, mas não é uma produção que me chame logo assim, sabe...

    O cinema este ano promete.

    Jônatas Amaral
    http://alma-critica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o cinema promete, Jônatas, e como já disse, estou muito ansioso em relação "A Menina que Roubava Livros".
      Concordo que "Quando eu era Vivo" chamou muita atenção, até porque não é todo dia que vemos um terror nacional e como também gosto do cinema nacional (que está evoluindo a cada dia que passa) só posso ficar ansioso, mesmo sem ler a obra literária.
      Só espero que todos sejam bons :D

      Abraços,

      Excluir
  5. Oi, Ricardo.

    São grandes estreias. Destes quero ver ao menos A Menina que Roubava livros e Frozen.
    Amo flimes mais leves e estou preferindo assim, porque os outros me causam certas coisas.kkkkkkk acho que sou um pouco medrosa.

    Adorei a coluna e as super novidades.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Os filmes que mais estou ansiosa para assistir são "A Menina que Roubava Livros", que ainda preciso ler o livro rs; e "Frozen", mas esse eu já assisti e é MUITO fofo!
    Não só Janeiro, mas todo o ano de 2014 estará recheado de adaptações maravilhosas que eu estou muito ansiosa para conferir, principalmente a de Vampire Academy, que chegará por aqui em março. Mas também espero ansiosa por Divergente e A Culpa é das Estrelas.
    Realmente começando a nova coluna muito bem, Rick, acho que não poderia ter escolhido melhor ano para estreá-la! :D

    Beijos,

    Only The Strong Survive

    ResponderExcluir
  7. A maioria dos filmes que você mostrou são grandes estreias, principalmente os filmes estrangeiros. Mas acho que as pessoas deveriam estar mais abertas aos filmes nacionais, que estão se superando bastante. A principio tenho que admitir que fiquei receosa e com preconceito em relação à atuação de Sandy no filme "Quando eu era vivo", mas a história me interessou tanto que vou largar esse prejulgamento e assistir o filme. Outro filme que me interessou bastante foi "Pelos Olhos de Maisie", já que sou amante de dramas.
    Gostaria de dar uma sugestão à você. Seria legal se houvesse o local de origem do filme. xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A história também me chamou a atenção, como disse em outro comentário, por isso posso dizer que também estou ansioso para assistir "Quando eu Era Vivo". Acho que o sucesso de filmes como esse pode ser essencial para a evolução e a quebra desse triste preconceito com nosso cinema.
      Mudando de assunto, muito obrigado por sua sugestão, Amanda. Vou incluir a origem dos filmes já na próxima postagem, que vai ao ar no domingo. Espero que você goste :D

      Beijos,

      Excluir
  8. Esse mês de janeiro é um dos melhores em relação a safra de estreias no cinema. Tem dois filmes com indicações ao Oscar 2014. Fora os outros que parecem ser bem interessantes. Quero muito ver "A Menina que Roubava Livros", "Frankenstein", "Frozen", "O Lobo de Wall Street", "O Aprendiz" e "Quando Eu Era Vivo".

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir