O último ano foi muito especial para a escritora Josy Stoque, que presenteou seus leitores com várias histórias publicadas digitalmente. Mas a escritora também recebeu seu próprio presente quando teve a maior conquista de sua carreira literária até então: a publicação de sua principal saga em inglês, o que deve acontecer já nos próximos meses. Em entrevista realizada em dezembro para a publicação de uma matéria especial, a escritora contou o que sentiu ao ter essa conquista tão importante para a literatura brasileira e também revelou novidades sobre seu próximo lançamento, que acontecerá no dia 19 de fevereiro – quando a escritora completa mais um ano de vida.

Over Shock – Josy, primeiramente muito obrigado por mais uma vez conceder uma entrevista ao Over Shock e por toda a atenção dada ao longo dos últimos anos.
Antes da publicação de “Marcada a Fogo” você imaginava que sua carreira ganharia novos capítulos em um tempo relativamente curto?
Josy Stoque – Obrigada, Ricardo, pela oportunidade de falar um pouco sobre esta carreira tão almejada. Quando a gente entra no meio literário, tem muitos sonhos com ele. Depois que enfrentamos dificuldades, percebemos que estávamos iludidos e o quão complicado realmente é para alcançar. Mas a perseverança é uma virtude minha, ou defeito, porque sei ser teimosa. Passei por maus momentos, admito, mas estou muito feliz pela reviravolta que minha carreira teve três anos depois, devido a decisões instintivas que tomei. Não me arrependo de nada, nem da dor, nem dos desafios, porque as alegrias são, sem dúvidas, compensadoras. Estou muito feliz!

Para conseguir todas as suas conquistas você precisou batalhar muito e quem acompanha a sua carreira viu isso de perto. Mas além do trabalho, o que você acha que te levou a essas conquistas?
Nunca desistir, mas acima de tudo, acredito que talento, sem ele, não teria sido lida pela gigante Amazon e selecionada em uma triagem para ser traduzida para o inglês. Não sou uma escritora perfeita, tenho minhas falhas, mas sempre busquei apresentar um trabalho de qualidade, sendo minha primeira crítica (ferrenha, diga-se de passagem) e não publicando uma obra de qualquer jeito. Sou uma boa ouvindo de críticas construtivas, quero aprender mais e mais, e me desafiar, porque isso vai me tornar uma escritora cada vez melhor.

O ano de 2013 foi de muitas surpresas aos seus leitores, que tiveram a oportunidade de conhecer “Estrela – Em Busca do Amor Eterno”, “Levanta, princesa, a abóbora virou carruagem”, “Insensatez”, “Ilha de Ar” e “Universo de Água”. O que você pode falar sobre cada um desses livros?
Os dois últimos volumes da série era meu sonho publicar e a Amazon me proporcionou uma publicação rápida e um retorno maravilhoso dos leitores que chegaram ao final da saga. Como eu estava ansiosa! Seguindo a mesma linha dos dois primeiros, porém, com uma pegava mais decisiva, Ilha de Ar e Universo de Água são, sem dúvida, os melhores volumes da série Os Qu4tro Elementos e eu estou muito feliz pelos leitores também terem gostado da originalidade da obra quanto eu gostei de ter escrito. O box impresso sai completinho em 2014, com as capas novas e de forma independente como agora assumi minha carreira. Insensatez é um romance new adult, com uma pegada hot bem explosiva. É um romance do qual eu e a Gisele Galindo estamos falando há um ano e, depois da decepção de não ter nenhuma resposta de editoras, decidimos publicar na Amazon em eBook e o livro foi um tremendo sucesso, figurando entre os mais vendidos da categoria no site por vários meses, validando toda a emoção e loucura que foi para nós escrevê-lo em apenas três semanas insensatas. E Estrela – Em Busca do Amor Eterno é um romance épico, no qual reuni um amor proibido, mitologia grega e um cenário criado especialmente para a obra. É uma história que está na minha mente antes de concluir a escrita da série, que só tive oportunidade de escrever ano passado e conclui apenas neste ano, porque foi muito difícil para mim escrevê-lo, porque escolhi uma narrativa poética que exigiu de mim muito cuidado na escolha das frases, das falas e das descrições de cenário. Assim como a série, é cheia de analogias, porém tem mais profundidade, tudo embasado em significado e um amor tão profundo que toda vez que releio fico emocionada.

Além disso, você já anunciou que seu próximo trabalho, “Puro Êxtase”, será lançado oficialmente em fevereiro. Você pode adiantar alguma coisa em relação a esse novo livro?
Estou doida para falar dele. (risos) É um romance erótico com uma pegada libertadora e totalmente diferente dos livros que estão no mercado. O foco deste romance é o amor próprio, a autoaceitação e o autoconhecimento, que também implica em desvendar o próprio corpo, a própria sexualidade e fantasias. Sara Mello descobre, após trinta anos, que estava buscando a felicidade no lugar errado. Ela passa por um processo doloroso, com uma dose de revolta, para descobrir onde está sua felicidade. E também passa por uma fase de experiências sexuais intensas que a leva a conhecer pessoas e elas vão mostrar a Sara muito mais sobre si mesma. Coisas que ela não enxergava quando olhava no espelho.

Uma das grandes novidades do ano, além dos lançamentos, foi o anúncio de que Marcada a Fogo será publicado em inglês através da Amazon. Como surgiu essa oportunidade e o que você sentiu ao ver que seus livros, além de conquistar os leitores brasileiros, também chegarão às mãos dos estrangeiros? Você pode falar sobre como funcionará essa nova etapa da sua carreira?
Marked by Fire chega ao mercado norte-americano em agosto de 2014 e será publicado em três formatos: paperback/hardcover (impresso e capa dura), eBook e áudio-book, com distribuição nas melhores livrarias do país. O anúncio foi uma grande e maravilhosa surpresa para mim. Pouco antes da feira de Frankfurt, a AmazonCrossing entrou em contato com dez autores brasileiros demonstrando o interesse em traduzir obras específicas destes autores. Eu sou a única autora autopublicada pelo sistema deles, o KDP – Kindle Direct Publishing e me sinto orgulhosa por estar representando a categoria dos independentes. Aproveitando a homenagem da feira para nós, autores brasileiros, a Amazon, que acaba de completar um ano no Brasil, pesquisou e escolheu os primeiros dez escritores. É um sonho de todo autor ser traduzido e não era diferente para mim. A AmazonCrossing é um braço da gigante Amazon que realiza apenas traduções para o inglês e já é a editora que mais traduz nos EUA. Em 2011, dez autores islandeses foram selecionados e três se tornaram best-sellers no país, por isso, e pelo profissionalismo e dinamismo da Amazon, estou muito otimista com a tradução do primeiro volume da minha série, que será publicada na versão editada (foi uma corrida contra o tempo para entregar no prazo, mas eu consegui!). A história continuará a mesma, porém, com uma narrativa melhorada e mais rítmica. Para mim é como se minha carreira finalmente estivesse começando do jeito certo, profissionalmente falando. Eu me sinto mais preparada hoje do que quando comecei há três anos, me sinto uma autora mais madura, melhor e pronta para qualquer desafio que vier. E muito realizada! Sinto que é apenas o início de uma longa e feliz jornada.

Para encerrar, gostaria de saber suas expectativas para o próximo ano, incluindo possíveis novos projetos, e também como você avalia o ano que está chegando ao fim.
Muito obrigado por sua atenção, Josy! Espero que tenha gostado das perguntas, que foram feitas com muito carinho, e que também goste da matéria que será publicado com base nessa entrevista.
2013 foi O ano, como vim pregando desde que ele começou. As coisas boas simplesmente aconteceram e o cenário de autopublicação e para os autores nacionais vai mudar muito a partir de agora. Foi meu ano, sem dúvida e só espero coisas melhores e maiores em 2014, com a chegada do livro em inglês. É o começo de uma carreira sólida e finalmente bem amparada por uma multinacional como a Amazon. Não poderia estar em melhores mãos. O que sinto, agora, é que tudo pode acontecer. Uma porta se abriu para mim e o caminho pelo qual vou percorrer é um mistério, mas eu tenho certeza de que será maravilhoso. Novos projetos? Puro Êxtase, sendo o meu novo projeto do ano, trará seus benefícios, com certeza (não posso falar mais sobre ele, mas terei uma nova surpresa em fevereiro, após o lançamento e essa vou deixar para contar depois, desculpe). Tenho outro projeto que pretendo lançar em junho. É um livro de conspiração em território brasileiro, com direito a agentes da CIA e da Abin, polícia federal, atentado terrorista e muita perseguição e tiroteio. Eu sempre gostei deste gênero e será meu novo desafio. Falarei mais dele em março, apresentando título e sinopse. Por enquanto, ele é apenas o início de um enredo, ainda nem tenho o final, mas assim que terminar Puro Êxtase e lançá-lo, focarei totalmente neste policial. Espero que vocês gostem deste meu outro lado. Em agosto, junto com Marked by Fire, quero presentear os leitores da saga com um spin-off. Portanto, 2014 será de muitas novidades literárias! E mais surpresas que estou guardando para contar no momento certo.
Obrigada, Ricardo, pela oportunidade de falar sobre minha carreira, que tem me dado muito orgulho, graças a Deus. Espero que seus leitores apreciem conhecer melhor meu trabalho. Obrigada por ser um parceiro tão dedicado. Um forte abraço

Após divulgar seu trabalho literário pelas redes sociais, e conquistar leitores dessa forma, o escritor baiano Ulisses Góes publicou um livro através da editora Mondrongo e realizou na última quinta-feira o evento oficial de lançamento da obra. Nesse livro, que se passa no sul da Bahia, o escritor une elementos do realismo fantástico, gênero popularizado por autores como o colombiano Gabriel García Márquez. Também em entrevista exclusiva, o autor contou sobre o tema de seu livro, qual o seu processo de escrita e também suas expectativas em relação ao lançamento de “Efeito Cacaos”.

Over Shock – Ulisses, primeiramente gostaria de agradecê-lo por conceder essa entrevista falando um pouco sobre o aguardado lançamento de seu novo trabalho literário.
Para iniciar, gostaria que você comentasse um pouco sobre a temática da obra e o que o leitor pode esperar de Efeito Cacaos.
Ulisses Góes – "Efeito Cacaos" conta a história de um jovem que tenta voltar para o Sul da Bahia, sua terra natal, em meio a um mundo sofrendo com uma nova Grande Guerra e catástrofes naturais. A minha obra flerta com uma linha literária que tem despertado a curiosidade de jovens leitores pelo Brasil afora: o realismo fantástico, onde o comum e o cotidiano da realidade são transformados pelo escritor, que inclui na história elementos sobrenaturais e experiências fantásticas. É como escrever sobre nossa própria realidade, e acrescentando à essa realidade um pouco de fantasia, de situações fantásticas.

Você pretende passar alguma mensagem especial com o novo lançamento?
A história de meu livro é praticamente a história de um personagem que escuta seus anseios interiores e não mede esforços em realizar seus objetivos e sonhos mais desafiadores, não importando os caminhos que ele tenha que percorrer e os obstáculos que precise superar. É uma história de determinação, coragem e superação diante da vida e do mundo que o desafia a todo instante. Quando terminei de escrever esse livro, eu percebi parte de mim no personagem, principalmente depois de todos esses anos buscando publicar minha obra.

Qual foi o processo de escrita, publicação e divulgação da obra? Você encontrou algum tipo de dificuldade em finalmente conseguir a publicação?
Escrevi esse livro ainda jovem, numa época em que nem havia internet, e com o passar do tempo, com a evolução da nossa tecnologia, fui reescrevendo alguns trechos, incluindo novos elementos para enriquecer a narrativa. Mesmo com a obra já terminada, passei muito anos procurando editoras para viabilizar a publicação de minha obra, mas acabei encontrando obstáculos que impossibilitavam a realização desse meu objetivo. Algumas editoras se recusavam em apostar em trabalhos de autores desconhecidos, muitas vezes desmerecendo a literatura nacional e preferindo a publicação de autores estrangeiros. Então em 2011 decidi lançar meu livro virtualmente, pela internet, divulgando meu trabalho e disponibilizando a versão ebook de “Efeito Cacaos”. Só tive uma oportunidade única e real agora em 2013, quando entrei em contato com uma editora modesta, porém determinada em construir um catálogo de autores nacionais e dar espaço aos escritores que estão iniciando sua jornada no universo literário. E eu não deixei essa oportunidade única passar.

Quais são suas expectativas em relação ao lançamento, previsto para o dia 30 de janeiro (o livro acabou sendo realizado no dia 06/02)?
Minhas expectativas sempre são as melhores possíveis, sempre dentro de todas as possibilidade que se apresentem diante de mim. Por conta de minha publicação online em 2011, fui conquistando leitores curiosos em conhecer minha obra e que estariam dispostos a comprar a versão impressa caso um dia eu conseguisse publicá-la por uma editora, e isso ajudou bastante na divulgação de meu livro entre leitores e blogs literários. (...) Já fui convidado inclusive para eventos de lançamento em livrarias conhecidas, possibilitando o desdobramento de inúmeros outros eventos posteriores de divulgação em outras cidades.

8 Comentários

  1. Megafeliz com este entrevista, Ricardo! Adorei falar de minhas novidades! Que não são poucas! KKKKKKKKKKKKKKKKk Que venha dia 19/02 <3 Beijos

    ResponderExcluir
  2. Amei a entrevista! Ainda não conhecia nem a Josy nem o Ulisses, mas vou procurar informações sobre os livros deles! Acho muito bom que os novos escritores nacionais façam um trabalho de divulgação na internet e pelas redes sociais; eu acho que esse é o principal meio de atingir mais leitores! E contando com a Amazon, a Josy teve um estímulo enorme!!
    Bjss ^^

    ResponderExcluir
  3. Oi, Ricardo.

    Já conheço o trabalho da Josy, mas ainda não tive a oportunidade de ler, mas desejo muito.
    Queria ser mais de uma rs assim colocaria todos os autores nacionais no blog e leria mais livros. rs Maluquices a parte, não conhecia o Ulisses, mas vou procurar saber mais do livros dele.

    Beijos
    http://fernandabizerra.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu realmente aprecio os sites e blogs que tem a iniciativa de fazer entrevistas com os autores. É sempre bom saber mais um pouco sobre a vida deles, o que os influenciaram a escrever tal história. Eu realmente aprecio isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gosta das entrevistas, Duda! A intenção é justamente mostrar um pouco mais do escritor, também como pessoa, por isso todo mês publicamos ao menos uma entrevista. Aguarde por novas!

      Excluir
  5. Não conhecia os dois autores nacionais, muito sucesso e inspiração nessa estrada de escrita, acredito que as entrevistas conseguem mostrar as alegrias e desafios que enfrenta quem quer ser escritor, o exemplo está ai, não desistir e perseverar, com esforço e trabalho pode demorar mas sempre virá o reconhecimento.

    ResponderExcluir
  6. Tem uma coisa na Josy que admiro em todos os autores: Ela escuta e respeita as críticas feitas em relação ao seu trabalho, desde que sejam construtivas, é claro! Outra coisa legal é que ela fala que tem suas falhas. Já ganhou meu respeito.
    Hoje em dia, a Internet se mostra uma ferramente extremamente poderosa para a publicação e/ou divulgação dos trabalhos desses autores. E que essa ferramenta possa ajudar ainda mais nossos talentosos autores.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir