O mês de agosto, assim como também aconteceu em julho, tem o lançamento de apenas um filme adaptado de uma obra literária: A 100 Passos de um Sonho, que dá vida ao livro “A Viagem de Cem Passos”, escrito por Richard C. Morais e publicado no Brasil pela editora Record em 2012.

Antes tarde do que nunca, os filmes Sem Evidências e O Homem Duplicado também são destaques na coluna Concretizando Páginas. Se Sem Evidências estreou no último dia 24, O Homem Duplicado, baseado na obra do Nobel de Literatura José Saramago, está nos cinemas brasileiros desde o mês de junho.

Título: A 100 Passos de um Sonho
País: EUA
Estreia: 28 de agosto de 2014
Baseado: A Viagem de Cem Passos, de Richard C. Morais
Sinopse:
Na França, a respeitada e autoritária chef gastronômica Mallory (Helen Mirren) está cada vez mais preocupada com um restaurante indiano que abriu ao lado do seu estabelecimento, e pode acabar roubando seus clientes. Ela trava uma verdadeira guerra contra o vizinho, mas aos poucos conhece o filho do seu adversário, um garoto com verdadeiro talento para a culinária. Aos poucos, os dois tornam-se amigos, e Mallory passa a guiá-lo pelos conhecimentos da refinada gastronomia francesa, encorajando-o a abrir seu próprio restaurante.



Título: O Homem Duplicado
País: Canadá e Espanha
Estreia: 19 de junho de 2014
Baseado: O Homem Duplicado, de José Saramago
Sinopse:
Um pacato professor de história descobre acidentalmente a existência de um sósia seu, um ator, quando assiste a um filme banal. Ele, então, resolve ir atrás de seu duplo, envolvendo sua namorada e a esposa dele, em uma trama de suspense que muda a vida a vida de todos os personagens.
Título: Sem Evidências
País: EUA
Estreia: 24 de julho de 2014
Baseado: Devil’s Knot: The True Story of the West Memphis Three, de Mara Leveritt
Sinopse:
Em 1993, os adolescentes Damien Echols, Jason Baldwin e Jessie Misskelley Jr. foram acusados de assassinar brutalmente três crianças de oito anos. Em um julgamento repleto de polêmicas e incertezas, eles foram condenados. Após uma longa batalha judicial, foram soltos no ano passado.

Deixe um comentário