Autora de “Passarinha” participará de sessão de autógrafos em Belo Horizonte
Kathryn Erskine, autora do livro “Passarinha” (Ed. Valentina), estará no Brasil no fim de fevereiro e participará, em Belo Horizonte, de uma tarde de autógrafos. O evento acontecerá no próximo dia 27, às 14h, na livraria Leitura do Shopping BH e será o único evento aberto ao público da escritora durante sua estadia no Brasil.

Livro “Eu Nunca” é publicado na Amazon
Com mais de 100 mil leituras no Wattpad desde o seu lançamento, o livro “Eu Nunca”, escrito através de uma parceria entre Josy Stoque e Mila Wander, foi publicado oficialmente na Amazon no último dia 27 de janeiro. Poucas horas após o lançamento oficial, o livro chegou ao topo da lista dos e-books mais vendidos da Revista Veja.
Adquira o e-book agora mesmo clicando aqui.

Valentina fecha parceria com empresa de audiolivros
Os livros publicados pela editora Valentina serão disponibilizados no Ubook, aplicativo de audiolivros que funciona através de assinaturas mensais ou semanais. Até o momento estão disponíveis três livros da editora (“Intenso Demais”, “Par Perfeito” e “Sal da Vida”), porém outras obras já estão sendo gravadas.
O próximo lançamento da Valentina no aplicativo será o livro “Sonhei que amava você”, escrito e narrado por Tammy Luciano. O livro de Tammy estará disponível a partir de 11 de fevereiro.
Clique aqui e conheça mais sobre o funcionamento do Ubook.

Carlos Villagrán, o Quico, será antagonista de uma adaptação
O ator mexicano Carlos Villagrán, conhecido por seu personagem Quico, do seriado Chaves, será o antagonista da adaptação do livro “Como se tornar o pior aluno da escola”, escrito pelo comediante e apresentador Danilo Gentili. Publicado pela Panda Books, o primeiro livro de Gentili está disponível nas melhores livrarias virtuais do país.
A confirmação de Villagrán no elenco aconteceu na última segunda-feira, 01. Ele será o principal nome do longa-metragem, previsto para janeiro de 2017, e será dirigido por Fabrício Bittar.
Em entrevista ao Adoro Cinema, o ator mexicano declarou ser uma “honra receber este convite, estou muito feliz e comprometido”. “Como mexicano, é uma honra, repito, aceitar este convite de trabalhar no Brasil, que é um país muito importante para mim”, afirmou também.
Com grande carreira na televisão, Carlos Villagrán estrelou ainda outros três filmes, entre eles “El Chanfle” (1979), escrito por Roberto Gómez Bolaños.




Livros da Saída de Emergência Brasil agora integram o catálogo da Arqueiro
Os livros publicados pela Saída de Emergência Brasil, editora que integrava o grupo Sextante, agora serão incorporados ao catálogo da editora Arqueiro, pertencente ao mesmo grupo editorial. Além dos antigos títulos, a Arqueiro será responsável também pela publicação das continuações das séries que chegaram ao mercado pela editora portuguesa que atuava no Brasil desde 2013.
Especializada em fantasia, a Saída de Emergência Brasil publicou, ao longo de dois anos de atividades, vinte obras de grande destaque no mercado internacional, como a série Outlander. No mês de março a Arqueiro lançará o quarto livro da série escrita por Diana Gabaldon.

UBE indica Lygia Fagundes Telles para o Nobel de Literatura 2016
Lygia Fagundes Telles, de 92 anos, será a representante do Brasil no Prêmio Nobel de Literatura 2016. O nome da escritora, imortal da Academia Brasileira de Letras desde 1985, foi indicado pela União Brasileira de Escritores (UBE) nesta quarta-feira, 03. Segundo o presidente da entidade, Durval de Noronha Goyos, “Lygia é a maior escritora brasileira viva e a qualidade de sua produção literária é inquestionável”.
Autora de diversos livros, incluindo “Ciranda de Pedra”, “As Meninas” e “Invenção e Memória”, os dois últimos ganhadores do Prêmio Jabuti, Lygia Fagundes Telles também conquistou, entre outros prêmios, o Prêmio Camões, o mais importante prêmio da literatura em língua portuguesa.
O resultado dos ganhadores do Prêmio Nobel 2016 será anunciado no segundo semestre.

Leonardo Barros lança primeiro livro de uma série
Autor de diversos livros, entre eles “Presságio: O Assassinato da Freira Nua” e “O Vampiro Imperador”, o escritor Leonardo Barros acaba de publicar, pela Amazon, o livro “O Vampiro da Quinta da Boa Vista”, primeiro volume da série Terra Prometida — Os vampiros descobrem o Brasil.
Ao comentar sobre a opção de publicar diretamente no mercado digital, Leonardo Barros afirmou que o seu “ritmo de produção é bem maior que o tempo do mercado tradicional”. “A espera da análise de títulos e a sua negociação com a editora tornam o processo muito lento. Essa divergência de ritmos acabou gerando uma demanda reprimida. E o leitor não pode esperar”, concluiu.
Em seu mais recente trabalho, Leonardo volta a utilizar das personagens de seu último livro, “O Vampiro Imperador”, publicado no último ano pela editora Novo Século, embora sejam histórias completamente independentes. Os próximos três livros da série serão lançados ainda este ano.
“O Vampiro da Quinta da Boa Vista” pode ser adquirido clicando aqui.
Em 1821, Londres é o paraíso dos vampiros que se banqueteiam com o sangue de bêbados e prostitutas, se escondem nas sombras dos becos e em meio à névoa das ruas mal iluminadas. Dotan, um lobisomem poderoso e imortal, dedica sua existência a caçá-los e conta com a ajuda de Lucius, seu filho adotivo, um vampiro que se nega a atacar humanos, mas se alimenta de outros bebedores de sangue.
Ao descobrir que a maioria dos vampiros londrinos está migrando para o Brasil, uma colônia conhecida por dias longos, quentes e ensolarados, Dotan e Lucius decidem averiguar.
Neste primeiro volume da série Terra Prometida, pai e filho iniciam sua investigação sobrenatural e procuram aliados. A colônia é muito mais agitada e perigosa do que imaginavam: há bebedores de sangue em São Paulo e um ardiloso vampiro leitor de mentes vive no Rio de Janeiro, nas proximidades do Palácio da Quinta da Boa Vista.
Viaje pelo Brasil colonial e conheça um mundo que os livros de História omitiram de você: a sombria e lasciva Terra Prometida, onde se escondem alados, telepatas e ninfas capazes de produzir um leite negro que vicia e escraviza mortais!

4 Comentários

  1. Oi
    legal as noticias, achei interessante o Carlos Villagrán atuar em um filme baseado em um livro Nacional e espero que o Leonardo Barros tenha sucesso na sua nova série

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Denise.
      A partir do dia 6.02, o livro estará disponível também no Amazon Unlimited.
      😆

      Excluir
  2. Obrigado pela divulgação, Ricardo!
    Abração!

    ResponderExcluir