Resenha 344# - L’Amour: 12 oz

L’Amour: 12 oz, Luciano Salles, 1ª Edição, São Paulo-SP:
Editora Mino, 2014, 64 páginas.
Skoob: Clique aqui.

Para Luciano Salles o amor é um grande enigma, um grande quebra-cabeças misterioso que cabe ao leitor desvendar. Na sua nova HQ autoral cabe ao leitor se debruçar sobre as belas e misteriosas páginas para argutamente decifrar as relações intrincadas que existem entre as personagens, ou mesmo criar subjetivamente essas relações como método de suprir lacunas propositalmente dispostas em um roteiro que versa sobre o tempo, o amor e a morte.

Para Luciano Salles o tempo tem peso: 12 oz. Oz é a sigla pra onça, uma onça (abreviada: oz, da antiga palavra italiana onza, agora escrita oncia) é uma unidade de medida de massa, sendo que 12 onças equivalem a 340 gramas. Doze onças é o peso da luva de boxe dos pesos pesados, em um universo onde não há espaço para amadores.

Lançamentos de Livros 329# - Confusões de Dona Ana X Confusões de Seu José e outros

Como todos sabem, a editora Biruta tem uma preocupação muito grande com a infância, fase mais importante da vida de uma pessoa, especialmente com o processo de aprendizagem de uma criança. Os últimos lançamentos da editora, pelo selo principal e também pela editora Gaivota, comprovam mais uma vez essa preocupação, visto que são dedicados especialmente aos pequenos que estão começando a se apaixonar pelos livros.

Um dos destaques entre esses lançamentos é o livro Gigante pouco a pouco. Escrito pelo espanhol Pablo Albo, e com ilustrações de Aitana Carrasco, o livro foi selecionado na lista de White Ravens — uma seleção anual feita pela Biblioteca Internacional da Juventude, em Munique — e trata, entre outras coisas, as diferenças entre as pessoas.

Título: Confusões de Dona Ana X Confusões de Seu José
ISBN: 978-85-64816-61-9
Autor: Lidia Izecson
Páginas: 32
Sinopse:
Dona Ana é uma mulher muito acelerada e sempre faz duas coisas por vez. Mas um dia se cansou dessa vida agitada e decidiu visitar o mágico da cidade. Depois de muita fumaça, virou uma pessoa mais tranquila – e também bastante atrapalhada. Com Seu José, as coisas também acontecem de um jeito peculiar. Faz suas compras semanais no supermercado, mas não gosta de economizar. Na hora de pagar a conta, tira o dinheiro da careca ou da sola do pé. Vai à academia, mas odeia se exercitar. As histórias acabam por se cruzar quando os dois se esbarram na farmácia e não conseguem mais se largar.
Nessa história divertida e nada convencional, os personagens passeiam por cenários coloridos, cheios de movimento, expressões, cores e sabores. Permite trabalhar temas como: cotidiano, convivência social, diferenças e a chegada do amor.
As ilustrações contribuem para a atmosfera alegre do livro, destacando as formas e cores de cada elemento.

Concretizando Páginas 18#

Ao longo dos meses de julho e agosto, pelo menos duas das mais aguardadas adaptações literárias do ano chegaram aos cinemas brasileiros. Se em julho aconteceu a estreia de Cidades de Papel, novo filme baseado em uma obra de sucesso do escritor John Green, agosto foi o mês de estreia da animação francesa O Pequeno Príncipe, baseado no livro homônimo de Antoine de Saint-Exupéry que narra a história que é considerada como a mais amada de todos os tempos.

Título: Expresso do Amanhã
País: Coreia do Sul, EUA, França e Rep. Tcheca
Estreia: 27 de agosto
Baseado: Le Transperceneige, de Jean-Marc Rochette e Jacques Loeb
Sinopse:
Quando um experimento para impedir o aquecimento global falha, uma nova era do gelo toma conta do planeta Terra. Os únicos sobreviventes estão a bordo de uma imensa máquina chamada Snowpiercer. Lá, os mais pobres vivem em condições terríveis, enquanto a classe rica é repleta de pessoas que se comportam como reis. Até o dia em que um dos miseráveis resolve mudar o status quo, descobrindo todos os segredos deste intrincado maquinário.

Resenha 343# - Zoo

Zoo, James Patterson e Michael Ledwidge, tradução de Claudio Carina, 1ª edição, São Paulo-SP:
Arqueiro, 2015, 288 páginas.
Skoob: Clique Aqui.

Algo muito estranho está acontecendo na natureza e isso está se espalhando pelo mundo. Sem qualquer explicação aceitável, os animais passaram a atacar os humanos, mas o que aparentava ser apenas algo que atingiria os animais selvagens, não demora a também atingir os animais de estimação, aumentando consideravelmente o número de vítimas.

O jovem biólogo Jackson Oz parecia prever que algo de ruim aconteceria. Durante anos ele tentou alertar as autoridades sobre esse cenário preocupante, porém foi desacreditado por todos. Após quase ser vítima de uma emboscada de leões em Botsuana, Oz percebe que precisa agir imediatamente. Mais do que convencer, é necessário também encontrar a explicação e quem sabe a solução para o problema. Caso contrário, ele sabe, a humanidade pode estar com os seus dias contados…

“Os leões dos flancos começam a rastejar rapidamente pela grama, em silêncio, escondendo-se de todas as formas possíveis. A pelagem marrom-amarelada os torna quase invisíveis, massas fulvas camufladas. Eles se distribuem como uma rede larga ao redor do sabugueiro e das vítimas, eliminando qualquer chance de fuga” (pág. 62).

Lançamentos de Livros 328# - História Bizarra da 2ª Guerra Mundial e outros

Quando a modelo Andressa Urach foi internada, no fim de 2014, o Brasil acompanhou de perto a sua recuperação. Vítima de uma infecção causada pela aplicação de hidrogel nas coxas, Urach esteve entre a vida e a morte, mas após a recuperação se converteu ao cristianismo e acaba de lançar, pela editora Planeta de Livros Brasil, a biografia Morri para Viver, escrita em coautoria com Douglas Tavolaro.

Apresentadora, participante de um importante reality show e capa de revistas masculinas, em seu livro Andressa Urach causa polêmica ao fazer revelações sobre a sua vida sexual, a obsessão pelo sucesso, os casos secretos com famosos e até a sua rotina como uma das prostitutas mais caras e cobiçadas do país.

Título: História Bizarra da 2ª Guerra Mundial
ISBN: 978-85-422-0546-6
Autor: Otavio Cohen
Páginas: 288
Sinopse:
Adolf Hitler era um tirano com mania de grandeza, Winston Churchill era um grande estrategista, Franklin D. Roosevelt era um presidente bastante popular. Disso, todos sabem. Mas talvez você não tenha ouvido falar que Hitler adorava tanto o filme E o vento levou que até tentou copiá-lo. Ou que Churchill, em pleno racionamento de comida, comeu de uma só vez uma porção de carne que deveria durar uma semana.
Ou ainda que o filho de Roosevelt chegou a tirar soldados americanos de um avião de guerra para transportar seu cachorro em segurança.
A Segunda Guerra Mundial deixou o mundo em pedaços. Mas, debaixo dos escombros, há grandes histórias inusitadas, personagens incríveis e feitos absurdos. E foi a partir dessas partes mais bizarras do conflito mais importante da história que Otavio Cohen elaborou esse livro. Diversão e conhecimento “junto e misturado”!
Copyright © Over Shock |
Layout por Bia Rodrigues | Proibido cópia total ou parcial, plagiar é crime, crie e não copie!
    Twitter Facebook Google + Instagram Skoob