Lançamentos de Livros 285# - Gears of War – Vol. 2 e outros


Ao longo do mês de setembro, a Única Editora publicou as continuações de duas de suas principais séries. Além de Gears of War – Slab: A Prisão, segundo volume da série de Karen Traviss e que leva aos livros a conhecida história do game de mesmo nome, a editora publicou também Um Sonho Perfeito. O livro é o segundo volume da série Caribou Crossing, escrito por Susan Fox, autora best-seller da série De Repente, também publicada pela editora.

Título: Gears of War – Vol. 2
ISBN: 978-85-67028-43-9
Autor: Karen Traviss
Páginas: 448
Sinopse:
Dez anos já se passaram desde a inundação do mundo de Sera pela Horda Locust, uma raça alienígena, e os efeitos da guerra já são arrasadores. Com a população praticamente dizimada, a esperança está nas mãos da Coalizão Ordenada de Governos, a COG, que enfrenta a batalha contra a ameaça e tenta manter Jacinto, a última cidade do governo, livre dos ataques inimigos.Para piorar as coisas, o sargento Marcus Fenix, um dos melhores soldados do exército, desobedece às ordens de seu comandante e é enviado pela corte marcial para a prisão mais brutal da COG, Slab. Condenado à prisão perpétua em um lugar onde a expectativa de vida é de apenas dois anos, Fenix precisa dar um jeito de sair dali imediatamente! Será que a humanidade sobreviverá? Será que Fenix conseguirá se salvar? Descubra...

Resenha 279# - Primavera

Primavera, Oskar Luts, tradução de Paulo Chagas de Souza, ilustrações de Sandra Jávera, São Paulo-SP:
Biruta, 2014, 432 páginas.
Skoob: Clique Aqui.

A escola paroquial da zona rural da Estônia reúne muitas crianças com diferentes personalidades, como Arno Tali e sua amiga Teele Raja. Além de conviver com os problemas que atingem essa amizade, Arno e Teele precisam lidar com outros alunos, estudiosos e bagunceiros, e também suportar um sacristão que não tem nada de simpático.

É nesse ambiente, tipicamente do campo, que os alunos dessa escola passam grande parte de seus dias, fazendo novas descobertas, irritando o sacristão, tentando evitar injustiças, estudando e cantando, e aguardando a chegada da estação mais esperada do ano.

“Naquele momento, Teele parecia a ele ter se tornado estranha. Antes pensava secretamente, bem no fundo do coração, que um dia se casaria com a garota, que ela sempre poderia ficar ao lado dele. Agora... ele só dava um sorriso triste ao pensar nisso. Quando os dois iam para casa, em geral ficavam calados. Teele até tentava falar, mas como Arno não respondia nada, ou só respondia monossílabos, ela também se calava” (pág. 75).

Andrea Nunes e Andréa Titericz


Uma das novas autoras parceiras do Over Shock, Andrea Nunes, é membro da Academia Feminina de Letras e Artes da Paraíba e Promotora de Justiça do Estado de Pernambuco. Desde os seus dezesseis anos, a autora publicou diversas obras, incluindo um premiado livro infantil e um livro jurídico que é referência nacional. Seu mais recente trabalho é o romance policial A Corte Infiltrada, um suspense que explora o crime organizado e o Poder em Brasília.

Andréa Titericz, por sua vez, trabalha como dentista e acaba de lançar, pela editora Literata, o romance erótico Mansion Rouge. A autora, que chegou a publicar textos em páginas da internet, participou da antologia “Lembranças”, lançada oficialmente durante a Bienal do Livro de São Paulo, e também do livro Um Amor de Voyeur, publicado de forma exclusiva pela Amazon.

Andrea Nunes
Com apenas 16 anos, Andrea Nunes estreou como autora do livro “O Diamante Cor-de-Rosa”, premiado pelo Gabinete Paraibano de Cultura como melhor obra literária infantil publicada no Estado da Paraíba em 1990, que arrebatou também o Troféu Baile dos Artistas, como melhor texto infantil adaptado para o teatro naquele mesmo ano. Escreveu ainda o romance épico “Papel Crepom” e, na área jurídica, publicou o livro Terceiro Setor - Controle e Fiscalização, obra de referência nacional para os que se dedicam ao estudo de entidades não governamentais. Nascida em João Pessoa, no ano de 1971, é o membro mais jovem da Academia Feminina de Letras e Artes da Paraíba, onde ocupa a cadeira nº 26.


Título: A Corte Infiltrada
ISBN: 8567713021
Editora: Carpe Diem
Páginas: 222
Sinopse:
O que você faria se descobrisse que não é mais dono dos seus pensamentos? Enquanto o Supremo Tribunal Federal está negociando um contrato milionário para instalar um moderno sistema de telecomunicações que facilita o diálogo seguro entre seus ministros e a transmissão de notícias para o mundo, um certo laboratório de pesquisas avançadas em neurociências, consegue, com um experimento científico, devassar a última barreira da nossa individualidade: a mente humana.
O Mestre budista Nobu Kentaro sabe que esse é um segredo de consequências imprevisíveis que não poderia cair em mãos erradas. Mas quando está prestes a falar a verdade e impedir que esse terrível invento seja utilizado para implodir o sistema judicial brasileiro, ele é assassinado. A única pista que deixou foi um gesto misterioso feito na hora de sua morte.
Para desvendar o que está por trás desse assassinato, o jornalista investigativo Edgar Trigueiro, e a noviça Taís Fonseca, monja aprendiz residente de um mosteiro zen budista, precisam somar os conhecimentos que detêm sobre os segredos milenares do Oriente e as corrompidas estruturas de poder em Brasília. Para vencer a inteligência diabólica que está por trás de tudo isso, eles terão de ser capazes de sobreviver aos perigos que lhes esperam e decifrar enigmas cujas respostas podem estar inclusive onde menos esperam: dentro de suas próprias mentes.
Utilizando elementos de ficção científica baseados em descobertas acadêmicas recentes e surpreendentes no campo da neurologia, o novo romance de Andrea Nunes mescla um suspense de tirar o fôlego com fatos reais da cena política e bastidores da Justiça brasileira, revelando uma desconcertante promiscuidade entre o Crime Organizado e o Poder em Brasília.

Nota Literária 25#


Ministério da Cultura divulga os representantes brasileiros na Feira do Livro de Frankfurt 2014
Cinco escritores brasileiros representarão o país na próxima edição da Feira do Livro de Frankfurt, um dos mais importantes eventos literários do mundo. A lista foi divulgada pelo Ministério da Cultura na última segunda-feira, 22, e tem a presença de Eduardo Sphor, Ana Martins Marques, Cuti, Edney Silvestre e Bernardo Kucinski.
A Feira do Livro de Frankfurt acontecerá entre os dias 8 e 12 de outubro. O critério para a seleção foi a existência de traduções dos autores para o alemão.

Widbook anuncia nova funcionalidade
Com o desejo de proporcionar uma experiência cada vez mais agradável aos seus usuários, a plataforma literária Widbook anunciou, em primeira mão ao Over Shock, uma nova funcionalidade: as chamadas Coleções.
A intenção com a criação das Coleções, que podem ser acessadas no menu superior da página do Widbook, é facilitar que os usuários encontrem obras para apreciação. Além de seguir as coleções sugeridas pela própria plataforma, os usuários podem também criar quantas coleções quiser, utilizando os próprios critérios, facilitando assim a sua busca por e-books adicionados em cada coleção.
Para conhecer essa nova função do Widbook basta acessar www.widbook.com/wb/collections.

Primeiro livro de Dan Brown ganhará adaptação
“Fortaleza Digital”, livro publicado por Dan Brown em 1999, ganhará uma adaptação para televisão em uma série. A responsável pela produção será a Imagine Entertainment, a mesma empresa que produziu os filmes “O Código da Vinci” e “Anjos e Demônios”, também baseados em obras do escritor estadunidense.
A série tem como produtores Brian Grazer e Ron Howard, enquanto Josh Goldin e Rachel Abramowitz são os responsáveis pelo roteiro. Apesar de não ter confirmação de estreia, o canal ABC se comprometeu a exibir o episódio piloto da série.
Antes de “Fortaleza Digital”, foi anunciado, em agosto, que o último livro de Dan Brown, “Inferno”, ganhará uma versão cinematográfica com estreia prevista para 2015.

Sarah Pinborough conquista o British Fantasy Award 2014
Foram anunciados no último dia 07 de setembro, durante o FantasyCon 2014, os ganhadores do British Fantasy Award, premiação que reconhece os principais trabalhos de fantasia da indústria do entretenimento. A escritora e roteirista Sarah Pinborough, que no Brasil teve a Saga Encantadas publicada pela Única Editora, foi uma das ganhadoras em 2014.
Indicada com duas obras, em diferentes categorias, a escritora conquistou o prêmio de Melhor Romance com o livro “Poder”, o último da trilogia que recria os principais contos de fadas da literatura mundial. Além de “Poder”, a trilogia é formada pelos livros “Veneno” e “Feitiço”.
A lista de todos os vencedores do British Fantasy Award foi divulgada no site oficial da premiação e pode ser conferida clicando aqui.

Cantora Pitty lança livro biográfico
Além de lançar o novo álbum de estúdio de sua banda, após um intervalo de cinco anos desde o último trabalho inédito, a cantora Pitty acaba de lançar um livro biográfico onde narra importantes passagens de sua vida, desde a infância e adolescência, através de fotos.
Publicado pelas Edições Ideal, “Cronografia – Uma Trajetória em Fotos” possui textos da cantora e imagens de sua participação nas bandas Inkoma e Shes, onde foi vocalista e baterista, respectivamente. Momentos marcantes de sua carreira profissional, com a banda que leva o seu nome, e o dueto Agridoce, projeto paralelo da cantora com o guitarrista Martin Mendonça, também fazem parte do trabalho.
Cronografia: uma trajetória em fotos é o relato visual da carreira de Pitty. Uma biografia através de fotos, montada cronologicamente, e que propõe/oferece um passeio por todas as fases da cantora baiana. O livro começa na infância, com fotos pessoais da pequena Priscila se divertindo junto com a família nas praias de Salvador. Depois mostra o início da sua vida na música, ainda adolescente fazendo punk rock/hardcore nas bandas Inkoma (como vocalista) e Shes (como baterista). Então Cronografia segue para os anos 2000, mostrando a consagração na carreira solo. O seu projeto Agridoce também ganha um segmento no livro, que ainda tem capítulos dedicados aos registros fotográficos dos clipes, dos shows e dos bastidores. Em 160 páginas, o livro traz fotos de nomes como Caroline Bittencourt, Otavio Sousa, Rui Mendes, Sora Maia e Jorge Bispo. É através das lentes e do olhar desses fotógrafos que Pitty conta sua história. Registros visuais que contam uma história musical.

Concurso Cultural - Ganhe um Curso de Autopublicação

Quer ampliar seus conhecimentos sobre autopublicação e aumentar suas chances no mercado editorial? O Over Shock, juntamente com outros blogs*, vai presentear dois leitores com uma inscrição cada (em São Paulo, no dia 14/10, ou no Rio de Janeiro, em 07/10) para o curso "Autopublicação: planejamento, gerência, produção e marketing", ministrado por profissionais experientes do mercado e apoiado pela comunidade literária Widbook.

O valor dos cursos é de R$ 420. Para concorrer às inscrições gratuitas, deixe um comentário neste post, contendo o seu nome, cidade onde quer fazer o curso (São Paulo ou Rio de Janeiro) e uma frase de até 50 palavras respondendo à pergunta: Por que você acha importante fazer este curso?

Você pode participar até meia noite de quinta-feira, 2 de outubro. As melhores frases serão escolhidas pelos blogs e pela equipe do Widbook, e premiadas com as inscrições. O anúncio será feito na sexta, dia 3.

Pedimos que somente pessoas realmente interessadas e com possibilidade de comparecer a um dos cursos (SP ou RJ) entre nesta competição, para não tirar lugar de quem realmente queira ou possa ir.

Resenha 278# - O Saci

O Saci, Monteiro Lobato, ilustrações de Paulo Borges, 1ª edição, São Paulo-SP:
Globo, 2007, 72 páginas.
Skoob: Clique Aqui.

Apesar de não ser conhecido apenas por suas obras infantis, o escritor Monteiro Lobato se tornou um verdadeiro marco da literatura brasileira. Cansado das histórias europeias e da inexistência dos nossos próprios livros infantis, o escritor resolveu criar um cenário tipicamente brasileiro e assim surgiu a mais importante história infantil do país.

A história do Sítio do Picapau Amarelo marcou a infância de várias crianças nos últimos quase cem anos. Como todos sabem, as aventuras acontecem no sítio de Dona Benta, a mais simpática de todas as vovós, onde os primos Pedrinho e Narizinho sempre buscam formas de se aventurar ao lado de toda a turma do Sítio do Picapau Amarelo.

Certa vez, enquanto passava as férias ao lado da avó, o garoto Pedrinho resolveu caçar no Capoeirão dos Tucanos, e apesar de Dona Benta alertá-lo dos perigos da mata virgem, ele se empolga com a ideia de caçar um Saci. Ao conseguir capturar o pequeno ser, esse também revela os perigos e acaba guiando Pedrinho pela escuridão da mata, contando os segredos de vários seres do nosso folclore e enfrentando a temível Cuca.

“Tinha a impressão de que o terrível tigre dos sertões estava atrás dele, já de boca aberta para o engolir vivo. Mas era ilusão apenas, filha do medo, pois a fera miou outra vez e o Saci calculou pelo som que ainda deveria estar a cem metros dali. Pedrinho ajeitou-se como pôde numa forquilha da árvore, lá ficando quietinho ao lado do Saci” (pág. 31).

Lançamentos de Livros 284# - A Grande Arte de ser Feliz e outros


A morte do escritor Rubem Alves, que aconteceu no último mês de julho, deixou um vazio muito grande na literatura brasileira, no entanto a editora Planeta de Livros Brasil acaba de lançar um novo título inédito do educador que faturou o Prêmio Jabuti, o mais importante da literatura brasileira. A Grande Arte de ser Feliz reúne uma série de crônicas sobre a vida.

A editora lança também o livro Bolsas, Beijos e Brigadeiros, da escritora Fernanda França. O terceiro livro da autora é uma continuação independente da comédia romântica “Malas, Memórias e Marshmallows”, também protagonizado pela personagem Melissa e lançado em 2012.

Título: A Grande Arte de ser Feliz
ISBN: 978-85-422-0356-1
Autor: Rubem Alves
Páginas: 160
Sinopse:
Em “A grande arte de ser feliz”, Rubem Alves nos presenteia com uma seleção de crônicas tocantes sobre a vida. O autor nos propõe que cada pensamento seja como um novo brinquedo, que nos dê alegria, nos divirta e também nos faça pensar. Muitas das crônicas foram escritas a partir de dúvidas e sugestões de leitores que acompanham seu trabalho e foram enviadas a ele por meio de cartas, e-mails ou telefonemas. Seu estilo único, profundo e metafórico é desenvolvido em três partes: Coisas que dão alegria, Coisas do amor e Coisas da alma, sendo que cada uma delas apresenta de forma encantadora os sentimentos e situações com os quais todos nós já nos deparamos um dia.